Marcha contra a violência doméstica


Começou em 25 de Novembro, Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, e dura até ao próximo 10 de Dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos (já agora, vá ao cinema, neste dia), uma campanha para alertar os governos no sentido de que devem assumir os seus deveres em relação à protecção dos direitos das mulheres. Uma em cada três mulheres em todo o mundo já foram vítimas de uma forma qualquer de violência por parte dos tristes homenzinhos que lhes calharam por companheiros ou maridos. Isto quer dizer que aqui mesmo, ao meu ou ao seu lado, um destes silenciosos crimes pode estar a acontecer neste preciso momento.
Clique na imagem e faça o jogo da marcha para ajudar a colocar um ponto final na violência doméstica.

Comentários: 3

Anonymous tati:

O tema da violência doméstica foi abordado estes dias no programa Sociedade Civil, apresentado pela Fernanda Freitas, na 2. Aliás um programa muito bem conseguido e que eu vejo sempre que posso, com muito agrado. Mas dizia eu, nesse programa, para além daquilo que já todos nós vamos sabendo ou deduzindo, foi dito que a violência sobre as mulheres tem, actualmente, uma forte prevalência entre namorados muito jovens. É assustador pensar que estes padrões de comportamento estão a ganhar terreno em relações onde o compromisso social é ainda tão ténue. Quando é que o "quanto mais me bates, mais gosto de ti" passou a substituir o "numa menina não se bate nem com uma flor"?

domingo, 03 dezembro, 2006  
Anonymous paula c.:

parabéns o teu blog está sempre a crescer em notícias e qualidade.

segunda-feira, 04 dezembro, 2006  
Anonymous Z Pedro:

Achas mesmo, Paula C.? Obrigado e beijocas!

terça-feira, 05 dezembro, 2006  

Enviar um comentário

← Entrada

    Subir ↑