Lá como cá


Com certeza ainda nos lembramos desta confissão de ignorância do Procurador-Geral da República em relação aos blogues. Sabemos que a ignorância, acompanhada por ausência de vontade de aprender, dá, em geral, maus resultados. É o que parece estar a acontecer no Brasil graças ao artigo 18 do Capítulo IV da Propaganda Eleitoral na Internet da Resolução Nº 22.718 (pdf) do Tribunal Superior Eleitoral: “A propaganda eleitoral na Internet somente será permitida na página do candidato destinada exclusivamente à campanha eleitoral.” O juiz que redigiu este artigo, ministro relator Ari Pargendler, tem 63 anos de idade, quase da mesma idade de Pinto Monteiro. A questão tem levantado grande borburinho na blogosfera brasileira que acusa o TSE de, com certeza por ignorância, estar a exercer a censura sobre os bloggers, impedindo a livre expressão, a troca e a discussão de ideias tão essenciais à democracia.
P.s.: Vou estar uns dias longe da internet, embora não tão longe como a NGC 2841. As caixas de comentários ficam abertas. Não aproveitem para me insultar. :)

Comentários: 2

Blogger joshua:

Os blogues têm o máximo de dignidade e o que é indigno é justamente desconhecer o seu papel de activadores do melhor e mais directo que pode ter a cidadania exercida.

Preterir os blogues maus ou irrelevantes é como dispensar a amizade de A ou de B por nos não convirem nem se nos adequarem.

Não se metem os blogues por inteiro pela sanita do desprezivo, Sr. Procurador.

PALAVROSSAVRSVS REX

terça-feira, 01 abril, 2008  
Blogger Pedro Leite Ribeiro:

De volta à "pouca-vergonha". :)

quarta-feira, 02 abril, 2008  

Enviar um comentário

← Entrada

    Subir ↑