Pata na poça


Pela enésima vez dando largas ao seu acriticismo enquanto pavoneia uma flagrante carência de opiniões, desprezando os reais problemas que afectam o povo que o elegeu e que deveria proteger, sujou o sapatinho com a lama do racismo implícito na velha designação do 10 de Junho como Dia da Raça tal como Salazar o baptizou em 1944, durante a inauguração do Estádio Nacional.

    Subir ↑